HOME
QUEM SOMOS
ATENDIMENTO
BOLETIM
PODCAST
PERGUNTE AO PASTOR
SIMPÓSIO
Pesquisa personalizada
IPB
 
boletim informativo nº 21/2015
Domingo, 24 de Maio de 2015

Sinceridade Não é a Verdade, Zelo Não é Conhecimento

Zelo e sinceridade não podem ser colocados como fundamento da adoração cristã. Após Jesus apresentar a água viva à mulher samaritana e ir ao encontro de sua real necessidade (João 4:7-21), ele aprofunda o diálogo ao máximo: a forma (estado) correta de sua adoração. O Senhor Jesus entra com profundidade e jorra água viva na terra árida do coração da samaritana. Cristo exorta que a adoração deve ser em espírito e em verdade, contudo não era essa a situação da mulher, o mais próximo que ela poderia apresentar era uma vida de adoração com zelo e sinceridade. A vida deplorável daquela mulher era o resultado de sua adoração. Cristo defrontou a mulher: “Vós adorais o que não conheceis.” (versículo 24). Apesar da sinceridade e do zelo da mulher apresentados na adoração que realizava no monte Gerizim, e que possivelmente fora ensinada daquela forma desde o princípio, ela estava completamente errada. Cristo a orientou que a adoração deveria ser prestada ao único Deus em espírito e em verdade, pois Deus é Espírito, e que, para a quebra de seu orgulho samaritano, essa adoração provinha dos judeus, pois a eles foi dado o conhecimento (Palavra revelada) de Deus. Adorar a Deus envolve conhecimento (relacionamento) com a sua Palavra. Dizer que adora a Deus, mas as atitudes expressam o contrário do que está registrado na Escritura, que é negar o conhecimento e a prática da adoração verdadeira e espiritual. Adorar a Deus corretamente também é uma questão de espírito, provém de dentro para fora (Kostenberger e Swain, “Pai, Filho e Espírito”, página 68). O culto oferecido a Deus é a expressão da espiritualidade e verdade intrínseca e extrínseca, respectivamente. Assim, prestar o culto verdadeiro e espiritual a Deus depende primeiramente da ação transformadora do Espírito, pois o homem por si próprio não tem a capacidade de se esclarecer, pois nosso espírito é propenso à vaidade e não pode apegar-se a verdade de Deus (“As Institutas”, volume 2 página 22). ”Sustentados em nossa própria sinceridade e zelo, rejeitamos a verdade que nos é apresentada pela Escritura e realizamos o culto a Deus conforme as imaginações e invenções provindas da fábrica pecaminosa de nossos corações. Vivemos numa época em que o zelo e a sinceridade estão sendo exaltados em detrimento da verdade e do conhecimento […] doutrina e dogma são [considerados] tabus, considerados quase que inimigos da verdade.” (Lloyd-Jones, “Sincero mas Errado”). A adoração tem se tornado uma joia perdida da igreja evangélica (AW Tozer). É certo que Cristo Jesus ensina à samaritana que a adoração prestada a Deus vai além de um lugar fixo (versículo 21): a adoração envolve todo o ser, o qual deve ser orientado por regras objetivas que estão na Escritura Sagrada. Todavia, a adoração a Deus também se manifesta no culto público que corre o risco de ser apresentado com sinceridade, mas faltar conhecimento e a verdade. Como cristãos, a vida que nos foi dada deve ser vivida como culto a Deus que manifeste a verdade, a espiritualidade, zelo e sinceridade. Que nos responsabilizemos em encher as nossas mentes e corações com a Palavra de Deus.

Aniversariantes

Dia 25 Maria Aparecida Aragão da Silva, telefone 3032 5394.
“Ensina-nos a contar os nossos dias, para que alcancemos coração sábio.” Salmo 90:12. Parabéns a todos, e que o Senhor lhes abençoe!

Estatutos da IPB

Regimento Interno do Supremo Concílio
Capítulo IV
Do Funcionamento
A) Propostas
Artigo
19 As propostas devem ser apresentadas por escrito, em papel uniforme, fornecido pela Secretaria Executiva.
§1º Toda proposta, original ou em parecer de Comissão, deve ser redigida em forma de resolução.
§2º Uma vez lida e apoiada, terá o proponente a palavra para fundamentá-la.
Artigo 20 O autor da proposta terá a liberdade de retirá-la com o consentimento de quem a apoiou; se, porém, tiver entrado em discussão só poderá retirá-la com o consentimento do plenário.
B) Discussão
Artigo 21 As propostas para ficar sobre a mesa, incluir na ordem do dia, levantar a sessão e votar, não sofrem discussão.
§1º Ninguém poderá falar mais de uma vez sobre uma questão de ordem, de adiamento e de entrega de qualquer matéria a uma comissão.
§2º Sobre todas as de mais questões cada membro pode falar duas vezes e, mais de duas, com o consentimento expresso do plenário.

Cultos de Oração e Estudo Bíblico

Amado irmão, não deixe de comparecer aos cultos de doutrina e de oração, todas as terças e sextas-feiras, respectivamente. No mês de maio, o culto de oração estará sob a responsabilidade da Junta Diaconal.

Construção do Novo Templo

Conta para a arrecadação de doações para a construção do novo templo: Banco Santander, agência 3328, conta corrente 13000174-8. “Até aqui nos ajudou o Senhor.” 1 Samuel 7:12.

Atividades da Semana:
Reverendo Geomário

Dia 24 Manhã: Congresso de Educação Cristã; noite: culto solene.
Dia 25 Manhã: folga; tarde: cuidar dos pais.
Dia 26 Manhã: gabinete; tarde: visita; noite: estudo bíblico.
Dia 27 Manhã: gabinete; tarde: cuidar dos pais.
Dia 28 Manhã: gabinete; tarde: visita.
Dia 29 Manhã: gabinete; tarde: 5ª Igreja Presbiteriana de Manaus.
Dia 30 5ª Igreja Presbiteriana de Manaus.

Atividades da Semana:
Seminarista Weber

Dia 24 Manhã: escola dominical; noite: culto solene.
Dia 25 Manhã: quartel; tarde: estudo; noite: seminário.
Dia 26 Manhã: secretaria; tarde: estudo; noite: seminário.
Dia 27 Manhã: quartel; tarde: estudo; noite: seminário.
Dia 28 Manhã: secretaria; tarde e noite: estudo.
Dia 29 Manhã: quartel; tarde: secretaria; noite: seminário.
Dia 30 Estudo.

Dados dos Membros

A Secretaria pede para que os irmãos e irmãs matriculados (membros da 3ª IPT) observem os seus dados pessoais no quadro de aviso para atualizá-los, se necessário.

Resoluções do Conselho

1. Quanto ao assunto “liturgia” e “culto”, o Conselho resolve manter o “Padrão Litúrgico de Culto ao Senhor” até agora praticado, à luz da palavra de Deus e das orientações contidas nas decisões do Supremo Concílio da IPB em sua reunião de novembro de 2010 — documentos 57, 63, 75 e 78.
2. Toma conhecimento da ata da primeira reunião das equipes participantes do 14° Simpósio que acontecerá em nossa igreja.
3. Toma conhecimento do batismo infantil de Kalebe Rodrigues Pereira Milhomens, filho de Weber Rodrigues Milhomens e Mirian Carlos Pereira Milhomens, nascido no dia 1º de outubro de 2014, e de Ana Júlia Caetano Oliveira, filha de João Paulo Oliveira Araújo e Aline Caetano dos Santos, nascida no dia 24 de março de 2014.

Avisos

 No dia 18 de maio, segunda-feira, às 20h, haverá reunião com todos os integrantes do 14° Simpósio no salão da igreja.
 No dia 31 de maio haverá indicação de membros comungantes ao oficialato, conforme CI/IPB artigo 9° letra “a”, artigo 13 inciso 1° e 2°, artigo 14 letra “e” e artigo 54 inciso 1°.
 No dia 27 de junho, sábado, das 9h às 12h, haverá reunião de planejamento com todos os oficiais da igreja e liderança.

Orientações para a Eleição de Oficialato

O corpo de oficiais da Igreja Presbiteriana do Brasil é composto de pastores (presbíteros docentes), presbíteros regentes e diáconos. Quanto aos diáconos são oficiais eleitos pela igreja, ordenados e supervisionados pelo conselho para dedicarem-se especialmente à arrecadação de ofertas para fins piedosos, cuidar dos pobres, doentes e inválidos, manterem a ordem e reverência nos lugares reservados ao serviço divino e fiscalizar para que haja boa ordem na casa de Deus e suas dependências, conforme o artigo 53 da CI-IPB.

14° Simpósio “Conhecendo o Evangelho da Graça”

No dia 21 de junho (domingo) será realizado o pré-lançamento do simpósio, onde serão apresentados o coordenador geral e coordenadores de equipes e apresentados os membros das equipes, nominalmente. Nesse dia de programação especial, toda a igreja será convocada a estar envolvida na programação do simpósio, em oração e convidando pessoas, de preferência quem não teve contato com o evangelho, para estarem participando do simpósio.

País de Oração: Tanzânia

Localização África Oriental
Capital Dar es Salaam / Dodoma
Extensão territorial 947.300 km2
Idioma Kiswahili e inglês
População total 50.757.459 habitantes
PIB 44.698 milhões de US$
Moeda Xelim tanzaniano

Tanzânia

Fonte IBGE Países@ www.ibge.gov.br/paisesat/

veja mais
Interação:
Feed RSS
Versão em PDF
Receba por e-mail:
Arquivo:
- 2017 - Arquivo ZIP 2017 (7 MB)
- Outubro
42/2017 - dia 15
41/2017 - dia 08
40/2017 - dia 01
+ Setembro
+ Agosto
+ Julho
+ Junho
+ Maio
+ Abril
+ Março
+ Fevereiro
+ Janeiro
+ 2016 - Arquivo ZIP 2016 (8 MB)
+ 2015 - Arquivo ZIP 2015 (9 MB)
+ 2014 - Arquivo ZIP 2014 (8 MB)
+ 2013 - Arquivo ZIP 2013 (8 MB)
+ 2012 - Arquivo ZIP 2012 (10 MB)
+ 2011 - Arquivo ZIP 2011 (11 MB)
+ 2010 - Arquivo ZIP 2010 (10 MB)
+ 2009 - Arquivo ZIP 2009 (9 MB)
+ 2008 - Arquivo ZIP 2008 (7 MB)
+ 2007 - Arquivo ZIP 2007 (6 MB)
+ 2006 - Arquivo ZIP 2006 (5 MB)
+ 2005 - Arquivo ZIP 2005 (6 MB)
+ 2004 - Arquivo ZIP 2004 (2 MB)
+ 2003 - Arquivo ZIP 2003 (5 MB)
home | quem somos | atendimento | boletim | podcast | pergunte ao pastor | simpósio | política de privacidade
Copyright © 2017 3ª Igreja Presbiteriana de Taguatinga | Webmaster | Design, desenvolvimento e hospedagem: Vini Costa